Se inscreve ai, nunca te pedi nada...

sexta-feira, 14 de abril de 2017

....

as histórias de amor em sua grande maioria costumam ser tristes, mas confesso com todo afeto que sem elas nada seríamos.

Abotoava calmamente a camisa em frente ao espelho, enquanto a televisão trazia noticias sobre as barbáries cometidas na Síria. Sentou a beira da cama para melhor calçar os sapatos e por um momento deixou as lembranças virem a tona, como um turbilhão e deixou pouco a pouco se afogar em todo aquele mar.

Em questão de segundo estava sentindo o cheiro dela, lembrando das risadas matinais por ter achado uma calcinha bem dobrada no bolso do paletó, na pasta ou no porta luvas… o jeito doce que ela dizia que não fazia ideia como aquilo fora parar ali. A saudade dela costumava vir com toda força durante a manhã e para piorar o prognóstico na noite anterior um grupo de amigos compartilhavam e comentavam as novas fotos dela para alguma linha de roupas.

Nossa! As lembranças vieram como um abraço indomável, não largavam.

O resto você pode conferir na minha pagina do medium
https://medium.com/@eldermalaquias/s%C3%B3-faltou-um-titulo-decente-81a9e689d99a 

Nenhum comentário:

Postar um comentário