Se inscreve ai, nunca te pedi nada...

quinta-feira, 15 de setembro de 2016

Para falar em saudade

Guardei seu bom dia,
ainda cedinho do lado direito da cama,
como parâmetro,
passam dias,
anos, décadas,
e sua imagem ainda reside
no seu cantinho da cama,
na porta do quarto
 em seu pijama,
me chamando para dormir.
Caralho!
Que bela mandinga,
feitiço ou qualquer outra magia
que tu fizeste.
De todas as maneiras,
versos soltos,
sonetos ou cronicas dominicais,
tudo,
é pensando em ti.
(E.M)

Nenhum comentário:

Postar um comentário