Se inscreve ai, nunca te pedi nada...

terça-feira, 9 de fevereiro de 2016

Lar

meu amor já passou quase vinte e quatro horas
da ultima aurora, dos beijos que dei em ti.
Já se tocou por demais a bossa nova
e os versos que li para ti já se enfadaram
em terna repetição.
Já ecoa a saudade nascente em meu peito,
mil mundos, mil anos, mil beijos, milhões de vezes eu
querendo só uma de você,
o verdadeiro epicentro
do meu interesse,
meu caminho,
meu céu e estrelas,
meu lar, seu abraço.
(E.M)

Nenhum comentário:

Postar um comentário