Se inscreve ai, nunca te pedi nada...

sábado, 2 de janeiro de 2016

á ela, e toda saudade que se inicia-se

e assim inicia-se cinquenta e duas semanas,
trezentos e sessenta dias sem ela,
milhões de minutos e milhas
que distanciam meus abraços
do dela,
uma vontade, alguns desejos,
zilhões de cheiros e beijos,
que são dela,
assim como tudo que sou,
ficar longe dela é desperdício
de tempo, dos meus anos de vida,
dos meus versos tristes,
de todas as vezes que canto a saudade,
se for preciso faço uma ponte daqui
para ai,
só para estar com ela e tudo ficar
assim, zen.
(E.M)

Nenhum comentário:

Postar um comentário