Se inscreve ai, nunca te pedi nada...

quinta-feira, 22 de agosto de 2013



Tem nada não
Eu choro todo pranto
Que for pra chorar
Eu pago todo preço
Que for pra pagar
Mas vou morrer dizendo
Que não te esqueci
E quando a saudade apertar
Não deixe de telefonar
Pra esse que ainda te ama
Que vive doidinho de vontade
De ter seu amor sem maldade
Para acender o calor dessa chama...

( Flavio José )

Nenhum comentário:

Postar um comentário